Responsabilidade e compromisso foram temas discutidos na aula inaugural do internato

Além de conversas com professores, profissionais da saúde e alunos veteranos do internato, o evento ainda contou com o lançamento da cartilha de boas práticas.


16 de janeiro de 2024 - , ,


Foto: CCS / Faculdade de Medicina da UFMG

Aconteceu na manhã da última segunda-feira, 15 de janeiro, a Aula Inaugural de Internato, no Salão Nobre. Durante o evento, foi apresentada a Cartilha de Boas Práticas no Internato, criada pelo Centro de Comunicação Social a pedido da Diretoria da Faculdade. 

O evento contou com a presença da diretora da Faculdade de Medicina da UFMG, Alamanda Kfoury, e da vice-diretora, Cristina Alvim, que conversaram com os estudantes sobre o internato e sobre a cartilha, além da nova plataforma que os alunos usarão durante a realização dos estágios. 

Vice-diretora da Faculdade de Medicina da UFMG, Cristina Alvim. Foto: CCS / Faculdade de Medicina

“É uma realidade em que vocês (alunos) vão aprimorar e aprender muitas coisas novas, muito conhecimento, muita atitude, muita postura e é isso que este momento de início dos estágios está guardando para vocês”, pontuou Alamanda Kfoury.

A vice-diretora reforçou a importância de manter o compromisso, para que assim o internato ocorra de forma tranquila, tanto para os alunos, professores e campos de prática. 

“Vocês irão aprender muito durante o internato, mas o ser médico já está presente nas suas atitudes e valores, e isso não vai mudar na hora que você receber o seu CRM. O compromisso é essencial”, afirma a vice-diretora.

Além disso, o evento também trouxe a presença de dois alunos da Faculdade que já passaram por alguns semestres de internato para falar sobre suas experiências durante o estágio e dar dicas de como os novos internos podem aproveitar. 

Para João Paulo, aluno do 10º período de Medicina, o internato é importante para agregar ainda mais conhecimento prático para os futuros médicos, lidando com problemas reais e casos complexos. Além disso, pontuou sobre a proatividade, a comunicação e curiosidade para aprender tudo o que for possível. “O internato foi um período muito diferente do que eu tinha vivido até então na Faculdade”. 

João Paulo, aluno da Faculdade de Medicina da UFMG Foto: CCS / Faculdade de Medicina

“Por se tratar de uma rotina nova, há cansaço físico e emocional, então é importante ter organização e diálogo, desde o início”, reforça João. 

De acordo com Fernanda, também aluna do 10º período do curso de Medicina, o planejamento durante o semestre é essencial para conseguir conciliar o estágio com os estudos. “É importante criar vínculos com os pacientes e demonstrar empatia, força e mostrar que você está ali não apenas como um médico, e sim como um ser humano. Durante o internato vemos que, muito mais do que tratar, devemos cuidar”, completa.

O evento ainda contou com a presença do professor do Departamento de Cirurgia (CIR) e representante de Ensino do Hospital Risoleta Neves (HRTN), Rafael Barbuto; e a professora do Departamento de Pediatria (PED) e Gerente de Ensino e Pesquisa do Hospital das Clínicas da UFMG (HC), Fabiana Kakehasi. O HC também foi representado em duas palestras, com Sara Monteiro (para falar sobre Qualidade e Segurança do Paciente) e Patrícia Campos Chaves (sobre a Lei Geral de Proteção de Dados). 

Além desses, a aula inaugural trouxe apresentações dos professores da Faculdade de Medicina para falar sobre as áreas de internato, e o que cada uma delas tem a oferecer para os alunos. Para participar foram convidados os professores do Departamento de Clínica Médica (CLM), Cecília Ravetti e Luciana Baptista; a professora do Departamento de Pediatria (PED), Ericka Carellos; e a professora do Departamento de Propedêutica Complementar (PRO), Rosa Malena.

Foto: CCS / Faculdade de Medicina da UFMG

Por fim, foi aberto um espaço para realização de debates e para sanar dúvidas dos estudantes em relação a esta nova fase da graduação. 

Cartilha: Boas Práticas no Internato 

Produzida pelo Centro de Comunicação Social da Faculdade de Medicina da UFMG a pedido da diretoria da Faculdade, a cartilha conta com informações sobre o que é o internato; a importância de manter o compromisso com o estágio; justificativas de faltas e documentação necessária para comprovação, e dicas para manter um bom rendimento durante a realização da disciplina.

Além disso, conta com uma versão em audiobook. 


Atualizada em 17 de janeiro.