Acesso interno

Comissão de Saúde Mental da UFMG abre chamada para selecionar produções artísticas

Comunidade universitária pode inscrever propostas até 30 de setembro; trabalhos selecionados serão exibidos nos canais institucionais da UFMG.


16 de setembro de 2021


Pequena escultura de um monge no Jardim Mandala, na Faculdade de Educação da UFMG
Pequena escultura de um monge no Jardim Mandala, na Faculdade de Educação da UFMGGabriel Araújo | UFMG

Começam nesta quinta, 16 de setembro, e seguem até o dia 30 as inscrições para a chamada Saúde mental e arte: perspectivas. Organizada pela Comissão Permanente de Saúde Mental (CPSM), pelo Centro de Comunicação (Cedecom UFMG) e pela Diretoria de Ação Cultural (DAC), todos da UFMG, a chamada visa selecionar produções artísticas, literárias ou ensaísticas, entre outras possibilidades, que apresentem perspectivas em torno da temática de saúde mental.

Como conta Teresa Kurimoto, professora do Departamento de Enfermagem Aplicada e representante dos servidores docentes da Comissão Permanente de Saúde Mental, a ideia da chamada se insere na proposta do Setembro Amarelo e do Dia Mundial de Saúde Mental, a ser celebrado no dia 10 de outubro, mas vai além dessas duas efemérides. “É uma tentativa de convidar a comunidade a refletir sobre saúde mental, seja em situações específicas, seja em situações institucionais, e, ao mesmo tempo, um convite para que essas pessoas se aproximem um pouco mais dos princípios e diretrizes da Política de Saúde Mental da UFMG”, a professora explica. 

Podem se inscrever pessoas com vínculo ativo com a UFMG, como estudantes, servidores docentes e técnico-administrativos, e terceirizados. As propostas devem ser organizadas dentro de quatro eixos: Sobre-o-viver em tempos de pandemiaA arte: “respiro” para a saúde mentalAcolher e acolhimento: possibilidades no contexto acadêmicoSaúde mental, liberdade e autonomia: pela despatologização da vida. Serão aceitas propostas de ensaios, poemas, contos, charges, cordéis, cenas teatrais e de dança, apresentações musicais, fotografias, desenhos, quadrinhos e produções de artes visuais em diversas linguagens.
 
chamada contém as regras e demais informações; as inscrições devem ser feitas em formulário eletrônico.

Além do setembro amarelo
Criada em 2018, a Comissão Permanente de Saúde Mental da UFMG (CPSM) é o fórum permanente para a formulação de ações e consolidação da Política de Saúde Mental da Universidade, construída na perspectiva do diálogo e construção conjunta com a comunidade acadêmica. É de responsabilidade da comissão a definição de diretrizes institucionais para balizar, por exemplo, a atuação dos núcleos de acolhimento e escuta da Universidade. 

A chamada Saúde Mental e arte: perspectivas surge como mais uma oportunidade para ampliar a discussão sobre saúde mental na comunidade universitária. “Seria muito interessante trazer essa provocação para que a comunidade pense junto e reflita de uma forma mais ampla, dentro dos quatro eixos da chamada, sobre a vida e o nosso cotidiano acadêmico”, explica Teresa Kurimoto. “Será ótimo utilizar a oportunidade do Setembro Amarelo, tal como vêm propondo os movimentos sociais de saúde mental, como um momento para verdadeiramente valorizar a vida e as experiências em torno dela”, ela frisa.

Teresa ressalta o valor de utilizar uma linguagem “múltipla, diversa e complexa” para a realização dessa conversa. Segundo ela, a opção pela veiculação de produções relacionadas ao campo das artes tem o intuito de “reforçar o apelo estético e de leveza que as linguagens literárias, artísticas e visuais trazem para essa questão”.

Os trabalhos serão avaliados entre os dias 1º e 9 de outubro por pelo menos um representante de cada segmento da comunidade UFMG que atue ou tenha expertise nas áreas afins ao edital. As obras selecionadas serão exibidas nos canais institucionais da Universidade, no período de 13 de outubro a 13 de novembro de 2021. Dúvidas sobre a chamada poderão ser encaminhadas para o e-mail comsaudemental@ufmg.br.


Centro de Comunicação da UFMG