Acesso interno

Programa de Pós-Graduação em Patologia

Disciplinas

 

ESTÁGIO DOCENTE I


Código:PAG 811

Credito: 02

Ementa:

Estágio docente supervisionado por um professor efetivo, em disciplinas de Graduação da UFMG, visando a obtenção de experiência didática, preparação de material didático para a aula teórica e/ou prática, supervisão de exercícios extraclasse.

BASES CELULARES DAS DOENÇAS: INTRODUÇÃO À PATOLOGIA MOLECULAR



Código: PAG 802

Credito: 05

Ementa:

Disciplina de formação na área de concentração em Patologia Geral. Descrição sumária de algumas técnicas de patologia molecular e de suas aplicações no estudo das doenças. Estudo das alterações gerais ao nível celular e bioquímico com atualização de conceitos envolvendo:

a) agressão, adaptação e morte celular (necrose, apoptose);

b) mecanismos celulares de transdução dos sinais;

c) reações vasculares às agressões e biologia celular da inflamação;

d) fatores de crescimento e seu envolvimento nos diversos processos de reparação;

e) regulação do crescimento celular, envelhecimento e transformação maligna.

BIOLOGIA DOS MONÓCITOS E MACRÓFAGOS


Código: PAG815

Créditos: 02


Ementa:

Conceitos básicos do sistema monocítico mononuclear (SMM) com discussão inicial da ontogenia dessas células buscando conhecer os diferentes estágios de diferenciação das células que compõem esse sistema. A disciplina se propõe a discutir o papel biológico das diferentes populações celulares como os macrófagos ativados, macrófagos alternativamente ativados e macrófagos ativados do tipo III. O aluno deverá ser capaz de desenvolver técnicas de cultivo de monócitos e macrófagos para preparo das células para ensaios imunológicos “in vivo” e “in vitro”, bem como caracterização imuno-histológica das diferentes populações celulares nos diferentes tecidos e órgãos de animais de laboratório.

BIOSSEGURANÇA EM LABORATÓRIO



Código: PAG 814

Créditos: 02


Ementa

Estudo de boas práticas de laboratório com intuito de prevenção de acidentes. Discutir as relações interpessoais, apresentando uma dinâmica de grupo. Mostrar que o trabalho em laboratório e a ciência em si exigem uma visão sistêmica e interdisciplinar.

Ética em pesquisa – Principais teorias relacionadas com a bioética: Principicialismo, comunitarismo, ética do cuidado, casuística, utilitarismo.

Relações interpessoais Compreensão dos processos envolvidos na dinâmica das relações interpessoais: Comunicação intra e interpessoal, empatia, saber ouvir, auto-estima. Grupos, processo de grupo: cooperação, competição, coesão e conformismo. Vivências e desenvolvimento, análise.

Análise de riscos e prevenção de acidentes – identificação dos riscos: físicos, biológicos, químicos, ergonômicos, riscos de acidentes. Biossegurança em laboratórios de pesquisa: organização das atividades no laboratório, práticas seguras no laboratório tipos e utilização de equipamentos de proteção coletiva e individual, medidas de controle e proteção. Equipamentos de proteção individual e coletiva.

Segurança química – Vias de absorção pelo organismo, rotulagem, armazenamento, interação entre produtos químicos, derramamento.

Segurança microbiológica – classificação dos riscos microbiológicos, níveis de biossegurança, organismos geneticamente modificados, riscos de acidentes, limpeza, desinfecção, descarte.

Segurança em laboratório de radioatividade – regulamentação do uso de radioisótopos, medidas preventivas com radioisótopos, procedimentos em casos de emergência, técnicas e procedimentos em laboratórios de radioisótopos, emergências em laboratórios de radioisótopos.

Bioterismo e eutanásia – modelo animal, ética na experimentação animal, o biotério, anestesia, eutanásia, fatores que influenciam no resultado do experimento animal (conhecer o animal utilizado no modelo experimental).

Gerenciamento de Resíduos de serviços de saúde – classificação dos resíduos, etapas do gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde, legislação existente quanto ao gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde.

Prevenção contra incêndios – fogo métodos de extinção, temperatura, estudo dos combustíveis, prevenção de incêndio, classes de incêndio, agentes extintores, tipos de equipamento de combate a incêndio, tipos de extintores


CURSO BÁSICO DE CITOMETRIA DE FLUXO MULTICOLOR(TOPICOS EM PATOLOGIA II)



Código: APM859

Credito: 02

Ementa:

Noções básicas em citometria de fluxo multicolor (Multiparamétrica). O que é citometria de fluxo. Tipos de aparelhos e marcas. Como funciona um aparelho de citometria. Detectores e filtros. Aplicabilidade de técnica. O que são fluorocromos e “tandem”. Absorção e emissão máxima de fluorescência. Como preparar suas amostras para citometria de fluxo. Como utilizar o equipamento. Noções de uso dos softwares de aquisição DIVA e CELLQUEST. Como compensar sua amostra. Parâmetros únicos e múltiplos (histogramas). Imunofenotipagem, Marcação intracelular, Análise de morte celular, Como utilizar o spectraviewer


DISTÚRBIOS DO CRESCIMENTO E DA DIFERENCIAÇÃO CELULARES


Código: APM 872

Credito: 02


Ementa:

Disciplina de formação comum a todas as áreas de concentração, que pretende dar ao estudante uma visão ampla dos distúrbios do crescimento e diferenciação celulares. Visa fornecer conceitos básicos estimulando paralelamente a análise crítica de forma a permitir o aprimoramento e atualização futura dos conhecimentos necessários a um Professor/pesquisador Inclui:

a) parte teórica – seminários de discussão em que são fornecidos os conceitos básicos;

b) parte prática – análise de peças e lâminas;

c) parte teórico-prática – apresentação e discussão de artigos científicos pelos estudantes, eventualmente relacionados com seus projetos de trabalho.


ESTÁGIO DOCENTE II


Código: APM 870

Credito: 02


Ementa:

Estágio docente supervisionado por um professor efetivo, em disciplinas de Graduação da UFMG, visando a obtenção de experiência didática, preparação de material didático para a aula teórica e/ou prática, supervisão de exercícios extra-classe.

IMUNO-HISTOQUÍMICA BÁSICA E APLICADA



Código: APM 848

Créditos: 02

Ementa:

Trata-se de disciplina instrumental que tem a finalidade de fornecer conceitos básicos do método imuno-histoquímico e suas aplicações em pesquisa e diagnóstico. Inclui uma parte teórica onde são discutidos os conceitos e etapas do processamento técnico e uma parte prática de laboratório onde os alunos testam reações completas, diferentes técnicas de processamento do tecido, e análise das reações.

INFLAMAÇÕES


Código:PAG 813

Credito: 02

Ementa:

Disciplina de formação comum a todas as áreas de concentração. Estudo do processo inflamatório. Conceito fisiológico e patológico. Aspectos moleculares e celulares das fases iniciais e tardias do processo inflamatório. Alterações estruturais e consequências clínicas. Efeitos locais e sistêmicos do processo inflamatório. Resolução e Reparo. Os temas são desenvolvidos através de exposições teóricas, apresentação de seminários e discussão de artigos científicos pelos estudantes, prática de modelos de inflamação e elaboração de projeto de pesquisa envolvendo os conceitos assimilados e metodologias apresentadas e posteriormente avaliados e discutidos pelos estudantes.

MACRO E MICROSCOPIA LESÕES FUNDAMENTAIS



Código: APM 847

Créditos: 03

Ementa:

Disciplina formativa, comum a todas as áreas de concentração do programa, com enfoque teórico-prático. Estudo de aspectos macro e microscópicos das lesões fundamentais: degenerações, morte celular, alterações do interstício, pigmentações, calcificações, distúrbios da circulação, inflamações, distúrbios do crescimento e diferenciação celular e aspectos morfológicos das anomalias congênitas. Parte teórica abordando aspectos conceituais e parte prática com análise de peças anatômicas (macroscopia) e lâminas (microscopia – colorações de rotina, métodos específicos histoquímicos e imunoistoquimicos) representativas das lesões.

METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA I



Código: CAE838

Créditos: 03


Ementa:


A construção da hipótese de trabalho da pesquisa, identificação e categorização das variáveis envolvidas. Os modelos metodológicos de pesquisa biomédica com animais e com as casuísticas de casos clínicos. A pesquisa sobre síndromes raras. A construção dos protocolos para a coleta das observações. A elaboração metodológica do projeto de pesquisa. Construção do conhecimento científico. Formulação de problema de pesquisa. Construção de hipótese. Análise de variáveis. Identificação do método. Delineamento metodológico. Preparação do plano de análise. Elaboração dos protocolos e dos relatórios de pesquisa.



MÉTODOS APLICADOS AO ESTUDO DE APOPTOSE



Código: PAG 807

Créditos: 01

Ementa:

Disciplina instrumental, comum a todas as áreas de concentração do programa, com enfoque teórico-prático. Objetiva fornecer ao estudante conhecimento teórico básico dos métodos de estudo de apoptose, seus princípios, vantagens e limitações e suas aplicações em pesquisa. Na parte prática são analisados os principais métodos utilizados no Laboratório de Apoptose aplicados aos diversos projetos em andamento, com avaliação crítica de resultados.


MORFOMETRIA DIGITAL


Código: PAG810

Credito: 01

Ementa:

Disciplina instrumental optativa, comum a todas as áreas de concentração. Discutem-se as metodologias mais adequadas para a digitalização de imagens microscópicas e para a obtenção de resultados quantitativos através de morfometria digital. Abordam-se: Bases da análise de imagens. Imageamento microscópico. Processamento e segmentação de imagens. Morfologia matemática. Desenvolvimento de metodologias morfométricas aplicadas à histoquímica e imuno-histoquímica.


MORTE CELULAR (APOPTOSE E NECROSE). DISTÚRBIOS DA CIRCULAÇÃO


Código: PAG 808

Créditos: 02

Ementa:

Disciplina formativa, comum a todas as áreas de concentração do programa, que objetiva fornecer conhecimentos teóricos básicos ao entendimento dos processos de morte celular e das alterações da circulação e aplicação prática desses conhecimentos através da análise de lâminas e de artigos científicos. Estimula-se, ainda, ainda a visão crítica e a discussão dos problemas levantados. Na parte teórica (seminários) abordam-se, a respeito dos vários tópicos: conceito, sinonímia, etimologia, classificação, nomenclatura, mecanismos de formação, características macro, microscópicas e ultra-estruturais e consequências. Com a discussão de lâminas espera-se: reconhecimento do órgão e coloração utilizada, localização, descrição e caracterização e conclusão com diagnóstico da(s) lesão (ões) básica (s) e rápida exposição dos mecanismos envolvidos. Na apresentação e discussão de artigos científicos, enfatiza-se a apresentação dos resultados (atenção em especial com tabelas e gráficos) e estimula-se a análise crítica.

PRINCÍPIOS DE BIOLOGIA CELULAR APLICADOS À PESQUISA



Código: PRO 815

Credito: 04

Ementa:

Disciplina de formação optativa, comum a todas as áreas de concentração. Visa a discussão dos conceitos básicos relacionados à biologia celular. Uma vez assimilados os conceitos básicos, os estudantes apresentarão seminários de trabalhos recentes a serem discutidos pelo grupo, abrangendo análise crítica dos mesmos.


SEMINÁRIOS DE PESQUISA EM PATOLOGIA I


Código: PAG 809

Credito: 02

Ementa:

Disciplina de formação obrigatória visa a apresentação, análise crítica e discussão de projetos de pesquisa relacionados às áreas de Patologia Geral, Anatomia Patológica e Propedêutica Complementar, envolvendo professores relatores e estudantes. Pretende-se demonstrar e interpretar metodologias de pesquisa buscando aplicação prática de conceitos básicos de patologia, conhecimentos de normatização bibliográfica, fundamentos de bioestatística e formulação de hipóteses a partir da confecção de modelos experimentais.

SEMINÁRIOS DE PESQUISA EM PATOLOGIA II



Código: PAG 810

Credito: 02

Ementa:

Disciplina de formação obrigatória, visa a apresentação, análise crítica e discussão de resultados dos projetos de pesquisa desenvolvidos pelos alunos do curso, relacionados às áreas de Patologia Geral, Patologia Médica e Propedêutica Complementar e por professores da UFMG ou externos. Interpretação de metodologias de pesquisa através da análise crítica de resultados, como treinamento e aplicação prática dos conhecimentos de bioestatística e conceitos básicos de patologia.

TÉCNICAS MOLECULARES APLICADAS AO DIAGNÓSTICO DE DOENÇAS INFECCIOSAS.



Código: PRO-810

Credito: 02

Ementa:

Disciplina instrumental optativa, comum a todas as áreas de concentração. Visa o estudo dos princípios teóricos básicos do diagnóstico molecular de doenças infecciosas e treinamento prático em diagnóstico molecular (extração de ácidos nucléicos, hibridação, reação de polimerização em cadeia e tratamento enzimático do DNA).


TÓPICOS EM PATOLOGIA CLÍNICA


Código: PRO812

Credito : 04

Ementa:

Disciplina de formação optativa essencialmente prática, visando o aperfeiçoamento de métodos laboratoriais e experimentais relevantes.

TÓPICOS EM PATOLOGIA I



Código: APM 858

Credito: 01


Ementa:

Disciplina de formação comum a todas as áreas de concentração, de conteúdo variável, reservada a cursos ministrados por professores visitantes ou optativas ministradas por professores do curso, de ocorrência esporádica dependendo da demanda.

TÓPICOS EM PATOLOGIA II


Código: APM 859

Credito: 02

Ementa:

Disciplina de formação comum a todas as áreas de concentração, de conteúdo variável, reservada a cursos ministrados por professores visitantes ou optativas ministradas por professores do curso, de ocorrência esporádica dependendo da demanda.


TÓPICOS EM PATOLOGIA III



Código: APM 860

Credito: 03

Ementa:

Disciplina de formação comum a todas as áreas de concentração, de conteúdo variável, reservada a cursos ministrados por professores visitantes ou optativas ministradas por professores do curso, de ocorrência esporádica dependendo da demanda.


TREINAMENTO DIDÁTICO EM PROPEDÊUTICA COMPLEMENTAR



Código: PRO 813

Credito: 02

Ementa:

Disciplina de formação,consiste na participação do estudante no ensino prático e teórico de Patologia Clínica, visando a aquisição de experiência para o exercício de atividades didáticas.


IMUNOLOGIA APLICADA A PATOLOGIA


Código: PAG 816

Créditos: 02


Ementa:

Conceitos básicos de imunologia, apresentando os órgãos linfóides e as células do sistema imune e, demonstrando como tais células interagem entre si e produzem os diferentes tipos de fenômenos imunológicos. A disciplina busca a apresentação e discussão dos mecanismos imunológicos para favorecer a compreensão dos processos patológicos básicos.


LABORATORIO DE ENSINO DE PATOLOGIA GERAL


Código: PAG 820

créditos: 02


Ementa:


Estudo de boas práticas de laboratório com intuito de prevenção de acidentes. Mostrar que o trabalho em laboratório e a ciência em si exigem uma visão sistêmica e interdisciplinar.

Para tanto, serão discutidas as relações interpessoais, a análise de riscos e prevenção de acidentes; tipos e utilização de equipamentos de proteção coletiva e individual; segurança química; segurança microbiológica; segurança em laboratório de radioatividade; bioterismo e eutanásia; gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e prevenção contra incêndios.


MICROSCOPIA DOS PROCESSOS PATOLÓGICOS GERAIS


Código: PAG 819

créditos: 05


Ementas:


Treinamento ao aluno na confecção de laudos histológicos e relatórioshistológicos com descrição detalhada dos processos patológicos básicos(degenerações, morte celular, distúrbios da circulação, inflamação e neoplasias).

Quadro de disciplinas Doutorado

Quadro de disciplinas Mestrado