Acesso interno

Especialistas dão dicas para prevenção ao contágio pelo coronavírus no Enem

Máscara é item obrigatório e deve ser trocado e manuseado com cuidado durante a prova


13 de janeiro de 2021 - , , , ,


Máscara virou item obrigatório no Enem 2020. Foto: Mika Baumeister/Unsplash

Com cerca de 5 milhões e oitocentos mil inscritos, o Enem 2020 começa neste domingo com a aplicação das provas de Linguagens, Ciências Humanas e a Redação. Por causa do coronavírus, esta edição do Exame será aplicada em condições totalmente atípicas. Mas quais são as medidas adotadas pela organização da prova para garantir a segurança dos estudantes? E quais os cuidados que devem ser tomados pelos próprios candidatos? 

Segundo o Ministério da Educação, as salas de aplicação da prova vão ter apenas cerca de 50% da capacidade original. Os portões vão ser abertos meia hora mais cedo que o habitual: às onze e meia, com o objetivo de evitar aglomerações. Outra medida é o uso obrigatório da máscara. Quem não utilizar o equipamento de proteção, será eliminado. A segunda reportagem da série especial sobre o Enem 2020 discute essas medidas e traz dicas dos professores da Faculdade de Medicina da UFMG Geraldo Cury e Unaí Tupinambás para prevenir a contaminação pelo coronavírus antes, durante e depois do término da prova.  

Ouça a reportagem 2 da série especial sobre o Enem:

Amanhã, a terceira reportagem da série especial sobre o Enem 2020 fala sobre como foi a preparação dos estudantes para a prova em meio à suspensão das aulas presenciais. A primeira reportagem discute a realização do Exame em janeiro.


Centro de Comunicação da UFMG