Acesso interno

Nova ala do LabSim oferta aulas práticas a alunos da Radiologia

Aulas do Ensino Híbrido Emergencial (EHE) já contarão com os equipamentos recém-instalados.


14 de outubro de 2021 - , , , , ,


Equipamentos instalados no LabSim já poderão ser usados em disciplinas híbridas no 2º semestre de 2021. Foto: CCS/Faculdade de Medicina da UFMG.

O Laboratório de Simulação (Labsim) da Faculdade de Medicina da UFMG agora conta com uma ala destinada aos alunos e professores do curso de Tecnologia em Radiologia. Dois equipamentos já estão instalados no local, sendo um aparelho de raio-x e outro de mamografia. Ambos serão utilizados exclusivamente para simulações e não irão emitir radiação.

Foto: CCS/Faculdade de Medicina da UFMG.

A professora do Departamento de Anatomia e Imagem (IMA), Luciana Batista Nogueira, explica que a demanda de um laboratório para simulação de técnicas radiológicas era um desejo do Curso de Tecnologia em Radiologia. “Haviam equipamentos do Serviço de Radiologia do Hospital das Clínicas da UFMG (HC) que não estavam mais em uso para realização de exames de imagens, porém atendiam perfeitamente a demanda para simuladores”, conta. 

O processo de análise e doação do HC para a Faculdade foi feito entre 2019 e 2021, período em que foram realizadas obras em uma das salas do laboratório e instalação dos equipamentos, realizada em conjunto com a Engenharia Clínica do HC. “Como resultado temos a sala 615 para simulação de exames para radiografia médica; a sala 617 para observação dos alunos; e a sala 619 subdividida em simulação para exames de mamografia e sala de estação de trabalho/laudo (em montagem)”, explica. 

Os equipamentos já foram utilizados para gravação de videoaulas no primeiro semestre de 2021, no contexto da disciplina de Tecnologia Radiológica I. Já neste segundo semestre letivo, que se iniciou em 13 de outubro, a UFMG passou a adotar o Ensino Híbrido Emergencial (EHE). Dessa forma, as aulas práticas da disciplina de Tecnologia Radiológica I retornaram ao formato presencial. Antes da montagem desse espaço, as aulas práticas eram realizadas no setor da radiologia do HC.

Para a professora Luciana, os alunos se beneficiarão em aulas práticas relacionadas com a área da radiologia, “onde o objetivo é simular os exames radiodiagnósticos, como também simular situações práticas de trabalho dos profissionais das técnicas radiológicas”. Além das disciplinas Tecnologia Radiológica I e Tecnologia em Mamografia, outras disciplinas do curso poderão explorar o laboratório para suas aulas práticas como: Tecnologia Radiológica II; Radiologia e Radioproteção; Introdução ao Diagnóstico por Imagem; e Tecnologia em Radiologia Pediátrica.

Equipamento em uso durante gravação de videoaula para o primeiro semestre letivo de 2021.

Participaram do processo os professores Luciana Batista, Adriana de Souza, Talita de Oliveira, Luiz Cláudio, Críssia Carem e Rodrigo Gadelha.

LabSim

Localizado no 6º andar da Faculdade, o laboratório foi criado em 1995 para desenvolver ações que envolvam a simulação em saúde em computadores e manequins, dentro da proposta de criação do Centro de Tecnologia em Saúde (CETES)

O LabSim gradativamente foi contemplado com modelos para ginecologia, obstetrícia (parto interativo), pediatria, clínica médica, simulador de ultrassonografia, modelos para toque retal, vaginal e exames de proctologia, manequim para ensino de cardiologia (Harvey), reanimação cardiorrespiratória, intubação, videolaparoscopia (simulador háptico), broncoscopia, endoscopia digestiva alta e baixa, administração de medicamentos, entre outros. A área física foi expandida, sendo adaptadas salas de debriefing e de ausculta.

Atualmente o LabSim tem três alas. “Para o segundo semestre letivo de 2021, as áreas físicas do LabSim serão muito utilizadas, pois uma nova etapa foi iniciada na UFMG: Ensino Híbrido Emergencial (EHE). O LabSim é hoje um modelo de laboratório para as universidades públicas brasileiras”, comenta a professora do Departamento de Pediatria e coordenadora do LabSim, Maria do Carmo Barros de Melo. 

“Os cenários de práticas simuladas da fonoaudiologia são os mais equipados do país. Os alunos do curso de Tecnologia em Radiologia passaram a ter um novo espaço para as práticas e um dos servidores UFMG passará a dar assistência ao corpo docente e discentes no horário noturno. Está programado o início de pesquisas envolvendo as práticas simuladas e estamos iniciando parcerias para o uso de inovações tecnológicas e realidade virtual”, completa.


Leia mais: