Acesso interno

Cartilha orienta sobre adaptações possíveis na rotina de pessoas com doenças reumatológicas


13 de julho de 2021 - , , , , ,


Limitações nos movimentos de membros inferiores e enfraquecimento das mãos são manifestações de doenças reumatológicas. Por isso, abotoar as roupas ou fechar o zíper, calçar sapatos, pentear o cabelo, segurar o copo ou o talher, por exemplo, podem parecer ações simples, mas precisam ser adaptadas para que pessoas com doenças reumatológicas consigam realizá-las. Foi pensando nisso que o o projeto de extensão “Grupo de orientação aos pacientes com artrite reumatoide”, da Faculdade de Medicina da UFMG, produziu uma cartilha sobre facilitadores na reumatologia.

O material é virtual e pode ser acessado clicando aqui.

“A partir das discussões com os grupos de pacientes com artrite reumatoide, que foram conduzidos presencialmente antes da pandemia da covid-19, houve a demanda de um material educativo acerca das orientações sobre adaptações e facilitadores para uso na vida diária por pacientes com dificuldades de mobilidade em membros superiores”, explica Débora Cerqueira Calderaro, professora do Departamento do Aparelho Locomotor da Faculdade de Medicina e coordenadora do projeto.

Para a elaboração do material, o projeto contou com profissionais de Terapia Ocupacional da equipe multiprofissional do Hospital das Clínicas, além do Centro de Comunicação Social da Faculdade de Medicina para diagramação e ilustração. Nele há diversas orientações e possibilidades de adaptação, que também podem ser confeccionados com materiais de baixo custo e mais accessíveis, para que as pessoas com doenças reumatológicas tenham mais autonomia e segurança nas atividades de rotina.

Leia mais:
Cartilha virtual orienta pessoas com esclerose sistêmica
Projetos criam cartilhas online para apoio a pessoas com doenças crônicas
Cartilha orienta pessoas com esclerose sistêmica sobre exercícios e cuidados com as mãos