Acesso interno

Última Webconferência do Saber fecha ciclo com debate sobre inovação em Medicina

Décima terceira edição do evento é promovido pelo Departamento de Propedêutica Complementar.


18 de fevereiro de 2021 - , , ,


O ciclo de palestras e debates “Webconferências do Saber” será fechado com o tema “Inovação em Medicina: futuro ou presente?”. O evento será transmitido ao vivo pelo canal da Faculdade de Medicina da UFMG no Youtube. A edição é promovida pelo Departamento de Propedêutica Complementar (PRO).

O palestrante será o professor titular do PRO, Pedro Guatimosim Vidigal. O diretor da Faculdade, professor Humberto José Alves, será o mediador do evento.

Assista:

Serão abordados conceitos de inovação e mencionadas tecnologias que tiveram impacto direto na área da saúde – como transmissão e armazenamento de dados, inteligência artificial, aprendizado de máquinas e impressão 3D -, além de analisado o papel destacado da UFMG nesse cenário. “A UFMG é líder em depósitos de patentes e muitas vezes não percebemos como se chegou nesse ponto. Foi uma construção”, destaca o professor do PRO. 

O evento representa a décima terceira e última edição da série de lives Webconferências do Saber, promovidas pela Faculdade de Medicina com expoentes da saúde. Os 12 departamentos da Instituição discutiram os temas mais atuais de suas áreas.

O diretor da unidade também mediou o evento de abertura, em 15 de julho de 2020. Na ocasião, o palestrante foi o professor aposentado do Departamento de Clínica Médica da Faculdade e atual professor da Escola de Música da UFMG, João Gabriel Marques Fonseca. A conversa sobre impactos da covid-19 na prática médica pode ser assistida no link.

Os eventos, sempre ao vivo, seguiram ao longo do segundo semestre de 2020 e início de 2021. Foram debatidos temas como os efeitos adversos dos canabinóides na saúde mental, a inteligência artificial na saúde, o desenvolvimento na primeira infância, o aborto, a uberização do trabalho, entre outros. Todos os eventos estão salvos no canal da Faculdade de Medicina no Youtube.

Inovação

As universidades ocupam papel chave no processo de inovação. O professor Pedro destaca o desenvolvimento da vacina da covid-19 pela Universidade de Oxford, feito junto à empresa AstraZeneca, como um exemplo do papel das instituições de ensino na inovação na área da saúde. “As universidades têm capacidade de participar da inovação desde a pesquisa básica até a aplicada”, defende. 

O método de manipulação desenvolvido por meios de conhecimentos de DNA e RNA, pesquisas básicas fundamentais para chegarmos às vacinas, também tiveram participação de universidades, evidenciando esse ciclo, que culmina nas campanhas de vacinação.

“Outras tecnologias são desenvolvidas pelas universidades e transferidas para consumidores pelo o mercado”, segue o professor. Nesse sentido, a UFMG ocupa papel de liderança nacional.

A pandemia de covid-19 acelerou alguns processos no setor. “Me chamou atenção o impacto na telemedicina. Era aplicada no nosso meio de forma tímida e hoje temos diversos serviços oferecidos por telemedicina”, observa.

Conferencista

Professor titular do PRO, Pedro também é orientador dos Programas de Pós-Graduação em Patologia e em Inovação Tecnológica da UFMG. Foi gerente de pesquisa e desenvolvimento da Labtest Diagnóstica S.A. (2002-06), coordenador da Inova – Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da UFMG (2008-10), vice-diretor (2010-13) e diretor (2013-14) da Coordenadoria de Transferência e Inovação Tecnológica (CTIT) da UFMG, diretor de Desenvolvimento Institucional da Fundep (2015-18) e CEO do BiotechTown Participações S.A. 

Webconferência do Saber
Tema: Inovação em Medicina: futuro ou presente?
Palestrante: Pedro Guatimosim Vidigal
Moderador: Humberto José Alves
Quando: 24 de fevereiro, 14h30
Onde: Canal da Faculdade de Medicina da UFMG no Youtube


Relembre como foram os eventos: